PLATAFORMA DIVERSIDADE NA LIDERANÇA

29 e 30 de Novembro de 2017 - Villa Blue Tree - SP

Voltar para Notícias Exclusivas

Artigo:

Visão da Alta liderança: entrevista com Andrea Alvares da Pepsico

 

Muitas mulheres, homens e empresas trabalham com projetos e iniciativas que visam acelerar a equidade de gênero em cargos executivos e de liderança.

Em entrevista, a diretora geral da categoria de salgados para América do Sul, Central e Caribe, Andrea Alvares, comentou sobre diversas atitudes que as mulheres precisam ter para alcançarem determinados cargos.

Uma delas é a verbalização de suas vontades. “Todos precisamos demonstrar o que queremos, onde pretendemos chegar e o que almejamos, mas especificamente as mulheres têm que deixar bem claro e evidente. Isto, porque infelizmente no Brasil não é o comum, nem o esperado, ter o sexo feminino como líder”, afirmou a diretora.

Andrea Alvares comentou que chegar a esta posição foi resultado de muito trabalho e esforço, destacando que alcançar este cargo em uma organização significa estar em outro patamar. “Eu passei a frequentar conversas, fóruns, entidades, debates que até então não estavam abertos para mim. Foram dois anos espetaculares de aprendizado profissional e pessoal.”

 Prioridades

Andrea destacou as prioridades que temos que ter em nossas vidas. “É preciso estabelecê-las para sabermos o que queremos, e do que podemos abrir mão.”

A diretora geral na Pepsico passou um período de sua vida morando em outro país a pedido profissional. A princípio, a ideia parecia bastante atrativa, e ela e a família já tinham pensado muitas vezes em morar fora para aprender uma nova cultura, novos hábitos e outra língua.

Com o passar do tempo, mesmo que a experiência estivesse sendo muito rica, o equilíbrio entre vida pessoal, família e trabalho começou a ficar difícil.  Então Andrea estabeleceu prioridades e decidiu voltar para o Brasil.

Embora a escolha tenha sido complicada, Andrea comentou que a empresa foi muito parceira e este apoio foi fundamental para que ela pudesse voltar e continuar trabalhando e crescendo profissionalmente.

“Esse processo foi resultado do reconhecimento do trabalho que eu fiz, junto com o entendimento do meu momento atual de vida. Por mais que eu amasse a empresa e meu trabalho, eu sabia que minha profissão me definia tanto quanto ser mãe e esposa.”

 PepsiCo

Como Andrea mencionou, os projetos e iniciativas das empresas são fundamentais para aumentar o número de mulheres na liderança e lutar pela igualdade de gênero nas empresas.

A PepsiCo se preocupa com essas questões e tem alguns projetos como o Doce Começo, que é específico para mulheres que acabaram de ter filho. O programa propõe que elas tenham horários flexíveis e possam fazer home office.

Outra iniciativa criada em 2011 é o Rocket. A sigla em inglês significa retenção de talentos-chave. O programa oferece vantagens para os colaboradores de acordo com os interesses profissionais de cada um.

O Rocket é uma maneira de avaliar junto com os funcionários quais são os fatores de engajamento deles. Cada colaborador pode escolher três entre alguns fatores como liderança, desafios, equilíbrio, vida pessoal, carreira, reconhecimento, entre outros.

Com essa seleção, é possível perceber quais os objetivos da pessoa naquele momento, e criar um mapeamento para tratar o profissional pensando no futuro da carreira, e não pensando somente no momento atual.

Essa iniciativa é muito importante, porque oferece mais transparência entre as relações profissionais e permite que a empresa entenda os desejos dos colaboradores.

 Para as mulheres

Para as mulheres, ter esse tipo de conversa é fundamental para que elas possam expor suas vontades e seu momento de vida. “Ela pode querer mais trabalhos e desafios ou estar buscando mais equilíbrio”, comentou Andrea.

Para os chefes

“Para os chefes também é fantástico, porque eles podem fazer um mapeamento de sucessão, avaliar as expectativas dos funcionários e entender o que está acontecendo, além de ter mais diálogo, seja ele profundo ou superficial.”, afirmou Andrea sobre os benefícios do Rocket.

 Seguindo o exemplo...

Segundo a diretora geral, as empresas têm que estimular a liderança feminina e oferecer um ambiente meritocrático. “Para lidar com questões iguais de crescimento, temos que entender que hoje as mulheres desempenham papéis que vão além dos profissionais. Elas são as principais cuidadoras e educadoras e precisam de políticas públicas que preservem seus direitos”, apontou Andrea.

 Sociedade atual

Vivemos em uma sociedade em plena mudança e evolução. “Já melhoramos muito em alguns pontos, mas ainda temos muito para mudar, principalmente com relação aos estereótipos e papéis esperados pela sociedade”, observou a diretora.

Andrea ainda deixou um questionamento quando disse que “talvez o que possa acontecer de mais revolucionário para acelerar o processo de empoderamento feminino seja a ampliação do papel do homem.” Segundo ela, “existe a necessidade de que os homens possam se sentir confortáveis no papel de cuidadores, e que aceitem que as mulheres possam ganhar mais do que eles.”

Andrea evidenciou que este pode ser um bom caminho para alcançarmos uma sociedade mais igualitária.

 

Voltar para Notícias

Promoção e Organização
CKZ Diversidade
Telefone: 11 2387-0111 - 2389-1161
Av. Brigadeiro Luiz Antônio 2504 Cj 71
Edifício London - Jardim Paulista
São Paulo - SP – 01402-000
Empresa Parceira
Atento Cargill Ingersoll Rand Monsanto TE Connectivity Tozzini Freire White Martins Cooperação
ONU Mulheres HeForShe

A CKZ Eventos é proprietária do Fórum Mulheres em Destaque e do Fórum Gestão da Diversidade e Inclusão e detém todos os direitos da marca.
CKZ Eventos - Av. Brigadeiro Luiz Antonio 2504 Cj 71 - Edifício London - São Paulo - SP - CEP 01402-000 – Tel.: (11) 2389 -1161 | 2387- 0111

Área restrita
Desenvolvido por Badah Comunicação Integrada
FECHAR